quinta-feira, novembro 24

Optimismo



"Os pessimistas são meros espectadores; Os optimistas são os que transformam este mundo". François Guizot

Não há dúvida que temos bastas razões para estarmos apreensivos, preocupados. A economia mundial e em particular a portuguesa, está de rastos, sabemos que se avizinham tempos mais complicados. Na sociedade assistimos a degradação de valores, à extinção de ideais. Temos dados concretos que nos indicam que o planeta está doente. Também aqui sabemos que o amanhã poderá ser muito mau, se não alterarmos de forma quase radical, alguns hábitos que temos e que vão servindo de base ao nossos pequenos confortos de hoje…
Sabemos isso tudo e vamos sendo informados a cada dia, de outras razões para preocupação.

Tudo isto é verdade. E agora? O desespero e a derrota, a inércia e o desânimo, o cruzar de braços, ou o optimismo? Não o tolo, de cabeça enfiada na areia, que ignora ou finge ignorar. O optimismo de combate, diria. Só acreditando em que se pode melhorar algo, se luta por isso. E só lutando, se consegue atingir qualquer objectivo.
Assim sendo, não tenho outro remédio… Sou optimista.

2 comentários:

Ana disse...

... E é o que fazes de melhor!!

amie disse...

concordo com a ana. adianta pouco ser pessimista!