terça-feira, janeiro 17

Smile

O sol não esbate recordações, mas sim as fotografias.
Acontece tantas vezes…
Acontece olhar pela milionésima vez para uma, já sem cor e amarelecida, e lembrarmo-nos do dia em que foi tirada, das histórias contadas sobre ela, do que sentíamos na altura.
Há coisas que ganham vida, assim, e novas histórias…
Tenho fotografias antigas, do tempo dos meus avós, e dos meus pais em pequenos, que têm vida própria.
É impossível, mas parece que vivi lá, conheço de cor os cantos, rio-me com as histórias daquele dia, sinto o cheiro das suas roupas. Percebo as simpatias e hostilidades, sinto a ternura e o calor de algumas.
Nas fotografias dos casamentos, sinto a felicidade e a música, rio-me com o formalismo e adivinho as emoções.
Gosto disso. Dá-me conforto e equilíbrio. São recordações, momentos que fazem parte de mim, que transbordam vida.
Só podiam ser minhas.
Enchem-me a casa de alegria, nostalgia, saudade e risos.
O que somos hoje, começámos a ser já há tanto tempo…

8 comentários:

guevara disse...

bem bem verdade! é como se voltassemos no tempo e estivessemos la de novo!

ivan (aka bandinho) disse...

máquina do tempo, é o que chamos a m
aquinas fotográficas.

Margarida Atheling disse...

Sinto exactamente o mesmo!

Bjs!

moonj_Rita disse...

Adoro coscuvilhar os meus albuns fotográficos...E reviver!

deep disse...

Por vezes, vemos tantas vezes as fotografias e ouvimos outras tantas as histórias que as justificam que acabamos por acreditar que nos lembramos de as termos vivido de facto. Pelo menos, comigo acontece...

Maria Pedro disse...

E guarda-se sempre só o melhor , para o bem e para o mal... pelo menos comigo é assim.

xana disse...

Sim...comigo também é assim..

Miguel,
Foi muito interessante ler o teu texto e ver todas as opiniões...
Quase que nos senti a todos juntos numa boa fotografia...!!!

cheese....

maria disse...

as fotos "transportam-nos" de facto para outras épocas e outros lugares. E fazem-nos recordar bons momentos, já que regra geral são esses que fotogravamos. Para mim, que dou muita importância aos cheiros, é normal até sentir os aromas associados a determinadas fotos. E é verdade enche-nos de alegria, nostalgia, saudade e risos.