sexta-feira, novembro 25

Ai se o apanho!

Esta manhã, tinha acabado de acordar e estava a dedicar aqueles 5 minutos diários à modalidade em que sou pré-olímpico – a preguiça – quando começo a ouvir os usuais ruídos provenientes da terrível tarefa que é vestir o Duarte. Entre muitas queixas de parte a parte, ouço o seguinte: “Olha lá…. Já viste como estão os teus óculos novos?!!!” – Silêncio – e continua “com as hastes todas roídas!!!”. O rapaz não conseguiu melhor resposta que a costumeira e clássica “Mas, mas...não fui eu!” Ora isto pôs-me doido logo pela manhã! E fica aqui o aviso. “Desgraçado se o apanho! Ai de quem anda a roer as hastes dos óculos do catraio!”

5 comentários:

Ana disse...

...Mas esses óculos são de rebuçado??
Mas se apanhares... tu dá-lhe!... Com força de preferencia!

amie disse...

realmente, há cada um!
ps. safei-me do médico da bata rosa, ontem!ih ih ih!:)
bom fim de semana!*

fr Miguel disse...

QUEM SAI AOS SEUS...
Que esperavas?
Que chegassem à faculdade???
o melhor é as lentes de contacto... de certeza não vai roer...
Se o apanhares bate Muito... com a cabeça na mesa de cabeceira.
Acorda... estás a sonhar...

João disse...

Ai, ai a vida é assim mesmo mas se alguma vez o primo pequeno precisar eu terei todo gosto em desponibilizar-lhe as minhas lunetas

izzolda disse...

Também não fui eu...
E nesse caso, até é uma resposta bastante corajosa, convenhamos! :)
Nota: e era doce, a tangerina!