sexta-feira, junho 29

Toma lá...

Porque segunda é dia 2, porque não terei acesso à net, porque ele merece, porque eu quero e porque o Camões não é para aqui chamado…

Era uma vez um rapaz que morava numa grua que tinha uma cabine gigante e confortável, bem perto do céu.
O rapaz tinha uns grandes caracóis largos e desalinhados e uns olhos com brilho de cristal. Adorava a sua casa, porque estava muito acima da vida e das pessoas, e assim podia vê-las sempre que quisesse, e tentar percebê-las, mesmo que às vezes não conseguisse - é que o rapaz tinha uma enorme dificuldade em compreender o mal.

Passava os dias a carregar num botão que o trazia cá a baixo para vir buscar sorrisos nos dias quentes e lágrimas nos dias de chuva, palavras nos dias de festa e silêncios nos dias tristes.

"Hão-de fazer-me jeito" - pensava ele.
Ao fim do dia lá ia ele outra vez. Sentia-se confortável em sua casa, tinha um grande sofá cor de laranja a condizer com a cor da grua e ele deitava-se de lado, com a cabeça mais alta, para não perder pitada do mundo. Então com todo o cuidado, abria a sua caixinha forrada com um papel de flores coloridas e perfumadas e punha lá dentro as coisas que tinha trazido da terra, depois deixava-se dormir debaixo das estrelas cintilantes como a sua alma de luz.

Ás vezes acordava cedo, ainda de madrugada e sentia alegria na terra, então ficava feliz e punha a música alto, cantava e dançava até o sol o queimar.
Mas se por acaso se levantava e via tristeza no olhar de alguém, o rapaz ficava com a alma cinzenta como dias de nevoeiro.

Ora um dia, quando chegou a casa, foi abrir a sua caixinha, e ela estava vazia…

Todos os pedaços bons do mundo que ele tinha apanhado tinham ido para o seu coração…

13 comentários:

Vilma disse...

:))

antónio paiva disse...

..................

Belo!!!

Leonor

:))

................

Beijinho e bom fim-de-semana

gasolina disse...

Leonor e Miguel,

Porque me fazem sonhar, tragam o Fly que está no meu canto.

Obrigado por estes textos.

foryou disse...

Haverá mais pedaços bons para voltar a encher a caixinha, depois... ele pode voltar a guardá-los no seu coração, que outros pedaços virão.

Um grande beijo aos dois e bom fds

foryou disse...

E volto (ainda a tempo porque o dia não terminou) para te deixar 1 beijo especial pelo dia de hoje ****

Margarida Atheling disse...

E é por isso que esse rapaz tem um coração tão, tão grande! :)

Bjs!

foryou disse...

E agora volto para deixar o beijo especial ao tal rapaz do coração grande :) Parabéns! *****

antónio paiva disse...

.................

porque será que não me dizem nada???

será porque da outra vez eu comi e bebi demasiado???

pois, mas assim também não me ajudam nada, nunca mais aprendo a comportar-me.......

seja como for

(ao tal Dominante)

Deixo um Abraço de PARABÉNS!!!!

Alecrim disse...

Parabéns Miguel, parabéns Leonor!
Beijinhos

kurika disse...

Enquanto leio, esboço um sorriso, e no fim fica um arrepiozinho terno.

Muito bonito.

Um xi

foryou disse...

"Cadê" a minha fatia de bolo????????????
Comilões!!!!!

malu disse...

com bolo sou sem bolo, estes textos estão (e são) uma delícia. Parabens aos dois :)

Bjs.

NaRiZiNHo disse...

Onde está esse rapaz?
Quero conhece-lo!
Com um coração assim, só pode contagiar :)))))))
Soberbo.
:-*