sexta-feira, junho 8

Tempo

Nunca na minha vida o tempo passou tão depressa como quando tive em casa um relógio de cuco Coreano*, que me informava na língua-mãe a passagem de todos os quartos de hora.

*Nem perguntem!

3 comentários:

Margarida Atheling disse...

Não queres que pergunte, não pergunto!
Mas olha que poucas vezes me custou tanto conter uma pergunta! ;))

Bjs!

A Capela disse...

Não pergunto, mas deduzo que foi aí que... bem, que.. ficaste a bater como o cuco. Ou... que tens aquelas pioras.. ou.. er...

a cuca...
pois...

foryou disse...

Eu quero lá saber das tuas ameaças!! Pergunto sim!!